O que pensar sobre o patriotismo?

Ao falarmos sobre a questão do patriotismo, mais do que nunca é importante assumirmos uma postura crítica diante do assunto. Em geral, tem-se uma visão bastante superficial sobre o tema, considerado-se apenas que a defesa de um determinado ponto de vista, o hasteamento de bandeiras, o uso de camisas de seleção de futebol ou o fato de se ter nascido em um território são elementos suficientes para caracterizar um patriota. Ao levar esse posicionamento em consideração, vemos o quanto o patriotismo é tratado de forma mística e naturalizante, negligenciando possíveis fatores de ordem econômica, histórica e política atrelados à construção de uma narrativa. Quando tratado de forma acrítica, o discurso patriota/ nacionalista, fundamentado em uma visão de mundo patriarcal e religiosa, tratado apenas como ufanismo e apologia à militarização, facilmente pode nos conduzir a uma visão limitada e excludente a respeito da diversidade, o que, por conseguinte, oportuniza um contexto para as mais diversas expressões de violência. Pensar sobre o patriotismo de forma crítica, portanto, implica na desconstrução de modelos simplistas a respeito da diferença, que tendem a acomodar muito bem nossos preconceitos, mas dizem muito pouco sobre a vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s